Mudanças entre as edições de "A falta e a presença"

De Sexta Poética
Ir para navegação Ir para pesquisar
m
Linha 10: Linha 10:
 
somente depois de ser imaginada
 
somente depois de ser imaginada
 
(nada existe que não foi antes sonho humano).
 
(nada existe que não foi antes sonho humano).
 +
</poem>
  
 
{{Comentário}}
 
{{Comentário}}
 
[[Categoria:Continuação do Poema sem fim]]
 
[[Categoria:Continuação do Poema sem fim]]

Edição das 14h33min de 30 de outubro de 2020

Contigo aprendi que há coisas
que falam por si mesmas, não necessitam de nossa interpretação.
Aprendi que há poesia na falta
e que a presença ou incidência
ao nos surpreender com tato cheiro e gosto
nos faz perceber que a ela é real - sim, real...
Ela é feita de papel com resíduos de grafite
somente depois de ser imaginada
(nada existe que não foi antes sonho humano).